Mano Brown fez discurso histórico em ato das diretas

Publicidade:

“Às vezes eu não concordo com a opinião da maioria também. Mas aceito, respeito. E seguimos as regras. Se a maioria escolheu, assim será”, disse o líder dos Racionais a cerca de 100 mil pessoas que protestaram em favor das diretas já em São Paulo no último domingo; Mano Brown lembra que Temer “foi pego com a mão na cumbuca” e que o “justo” é eleições diretas; “Ninguém é melhor do que ninguém”; assista

Do Brasil 247

O líder dos Racionais, Mano Brown, fez um discurso histórico na manifestação contra Michel Temer e pelas Diretas Já em São Paulo no último domingo 4.

“Às vezes eu não concordo com a opinião da maioria também. Mas aceito, respeito. E seguimos as regras. Se a maioria escolheu, assim será”, disse, a um público de cerca de 100 mil pessoas, segundo os organizadores.

Mano lembra que Temer “foi pego com a mão na cumbuca” e que o “justo” seria a realização de eleições diretas. “Ninguém é melhor do que ninguém”.

“O comandante não é mais meu comandante, é o dos caras, mas se afundar eu vou junto. Agora de repente o comandante é o mais corrupto. Foi pego com a mão na cumbuca. Foi pego, perdeu. O jogo é esse”, destacou.

“Eu percebo que a juventude quer mudanças, ela não quer cores. Ela não quer escolher o vermelho, ela não quer escolher o azul. Não quer o verde, não quer o amarelo. A juventude quer justiça, quer transparência”, concluiu Mano Brown.

Assista acima, no vídeo publicado pela Mídia Ninja.

Vídeo:

Leia Também>>  As pessoas que costumam tomar LSD ou cogumelos no café da manhã

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *